Contribua para um artigo e ajude o wikitravel a crescer! Aprenda como.

Viajar ecologicamente

Da Wikitravel
Revisão das 04h42min de 25 de fevereiro de 2011 por Texugo (discussão | contribs)

(dif) ← Revisão anterior | Ver revisão atual (dif) | Revisão posterior→ (dif)
Ir para: navegação, pesquisa
Isto é um artigo de dicas de viagem.


Proteja-o.

Proteger o planeta em que vivemos é uma responsabilidade de todos. Os viajantes futuros devem poder apreciá-lo tanto como nós o fazemos. Este guia ensina-o a viajar ecologicamente.

Entenda[editar]

Fauna e Flora[editar]

Sabia que...

Addo Elephant National Park.JPG
Escaravelho bosteiro no Parque Nacional dos Elefantes de Addo.

... no Parque Nacional dos Elefantes de Addo, na África do Sul, os escaravelhos bosteiros tem prioridade? Se vir um deles na estrada, tem que parar e esperar que passem.

  • Não mate nada que não seja uma das "pestes" habituais (mosquitos, etc.). Nem todos os insectos são pestes, alguns estão mesmo protegidos e pode ter que pagar uma pesada multa se matar um deles.
  • Limpe as suas botas de caminhada ao mover-se de uma área para outra Por vezes algumas sementes ficam presas nas solas ou noutra parte dos sapatos. Estas sementes podem ser facilmente transportadas de uma área para outra onde não crescem espontaneamente, criando uma espécie invasiva e uma catástrofe natural. Tenha especial cuidado quando passa por uma área onde existe uma grande variedade de ecossistemas, como por exemplo as Galápagos. Lavar as solas dos seus sapatos também reduz o risco de espalhar doenças.
  • Os fogos são um risco gravíssimo em certas áreas do mundo (por exemplo: Califórnia, Portugal, Austrália, ...). Embora por vezes os fogos por vezes ocorram naturalmente e sejam necessários em certos ecossistemas, as actividades humanas podem aumentar em muito a quantidade de fogos que ocorrem e podem causar danos ecológicos graves. Ao fazer uma fogueira, assegure-se que esta fica numa área sem vegetação e não a deixe sem vigiar enquanto estiver acesa.

Prepare-se[editar]

Ao sair de casa:

  • Desligue aquecedores, esquentadores, caldeiras e outros aquecedores de água. (Se houver risco de os canos congelarem, ligue o aquecedor da água no mínimo em vez de o desligar).
  • Corte o abastecimento de água. Isto assegura que não encontra a casa inundada caso haja uma fuga enquanto não está ninguém em casa.
  • Desligue todas as luzes.
  • Desligue TVs, DVDs, e outros aparelhos que continuem a gastar energia em standby.

Chegar e Circular[editar]

Metro de Lisboa.

Os carros são o meio de transporte mais poluente, e por isso estão fora de questão. Para além deste, tem várias opções: aviões - que também poluem muito, e por isso também devem ser excluídos, a menos que esteja a viajar distâncias muito grandes -, autocarros e comboios - a melhor escolha, especialmente comboios eléctricos.

Dentro de uma cidade as melhores opções são o metro - porque é eléctrico - e os autocarros - especialmente os eléctricos, já disponíveis em algumas cidades do mundo, como por exemplo Quebec, Atlanta e Viana do Castelo. Melhor do que isto, só mesmo andar - embora isto seja difícil em cidades grandes, em cidades pequenas onde as atracções turísticas estão concentradas numa área relativamente pequena, não há melhor meio de transporte. Outra opção é o aluguer de um carro híbrido ou eléctrico, embora poucos destes estejam disponíveis para aluguer. Os eléctricos são outra excelente opção com zero emissões de CO2.

Veja e Faça[editar]

Não use câmaras descartáveis, a qualidade é má e é criar lixo desnecessário. Aconselhe-se numa loja de fotografia ou com um livro de fotografia para descobrir que câmara se adapta melhor às suas necessidades - convém ser digital, gastam menos papel.

Compre[editar]

Esculturas de marfim em Hong Kong.

Muitas espécies estão ameaçadas porque são mortas especificamente para comércio turístico. As estrelas-do-mar e o coral em regiões costeiras e os elefantes em África (para obter marfim) são bons exemplos. Não compre produtos animais quando estes foram mortos apenas para servir como lembrança turística, ou se se tratar de uma espécie ameaçada.

Coma & Beba[editar]

Se for a um supermercado não compre comida enlatada ou embalada - por causa do lixo - e compre produtos do país em que está - a distância a transportar a comida é menor, e por isso o camião emite menos CO2.

Certas comidas são contra o espírito ecológico. Comer carne de animais jovens (por exemplo, as sardinhas pequenas são um prato muito popular em Portugal) é desaconselhado, porque estes ainda não cresceram para assegurar a substituição das gerações. Espécies em risco de extinção, que são muito populares em alguns países (bacalhau, popular em vários países, ou carne de gorila, que é popular em certos países africanos).

Durma[editar]

Encontre hotéis e resorts que encorajem a ecologia: que foi desenhado ecologicamente, de forma a aproveitar o vento e a luz, sustenta programas de protecção de espécies, aproveitamento da água das chuvas, etc. Alguns sites tem listas de hotéis ecológicos, como por exemplo [1] e [2].

Obviamente, desligue tudo ao sair do seu quarto.

Partir[editar]

Ao chegar a casa, não imprima todas as fotos, especialmente se as tirar numa câmara digital. Imprima só as melhores ou não as imprima - deixe-as na memória do computador ou guarde num CD.

Este artigo é usável. Ele contém informações sobre como chegar e algumas indicações completas de restaurantes e hotéis. Uma pessoa mais corajosa poderia utilizá-lo para viajar, mas por favor mergulhe fundo e ajude-o a crescer!

Variantes

Ações

Docentes do destino

Noutras línguas