Contribua para um artigo e ajude o wikitravel a crescer! Aprenda como.

Diferenças entre edições de "Seguindo os Anéis"

Da Wikitravel
Oceania : Australásia : Nova Zelândia : Seguindo os Anéis
Ir para: navegação, pesquisa
m (Entenda)
(Partir)
 
(8 edições intermédias de 3 utilizadores não apresentadas)
Linha 1: Linha 1:
 +
{{itinerário}}
 
'''Seguindo os Anéis''' se localiza na [[Oceania]].
 
'''Seguindo os Anéis''' se localiza na [[Oceania]].
  
 
==Entenda==  
 
==Entenda==  
[[Imagem:senhor_dos_aneis_poster.jpg|thumb|300px|right|Pôster da Trilogia]]
 
 
Depois de 30 nominações, arrematar 17 estatuetas do Oscar e ser considerado a trilogia mais vitoriosa do cinema mundial [http://en.wikipedia.org/wiki/The_Lord_of_the_Rings_film_trilogy#Academy_Awards|1], '''Senhor dos Anéis''' continuou a mexer com o interesses de seus fãs sobre o tema, principalmente para conhecer as locações originais na [[Nova Zelândia]], terra de seu diretor, Peter Jackson.
 
Depois de 30 nominações, arrematar 17 estatuetas do Oscar e ser considerado a trilogia mais vitoriosa do cinema mundial [http://en.wikipedia.org/wiki/The_Lord_of_the_Rings_film_trilogy#Academy_Awards|1], '''Senhor dos Anéis''' continuou a mexer com o interesses de seus fãs sobre o tema, principalmente para conhecer as locações originais na [[Nova Zelândia]], terra de seu diretor, Peter Jackson.
  
Linha 35: Linha 35:
 
Partindo de [[São Paulo]] existem vôos pela [http://www.lanchile.com/ Lan Chile] e [http://www.aerolineas.com.ar/ Aerolíneas Argentinas], com escalas em [[Santiago do Chile]] e [[Buenos Aires]]. O tempo de vôo entre estas cidades e Auckland varia entre 13 e 14 horas sem escalas. Por isso muna-se com um livro, palavras cruzadas ou outro tipo de entretenimento.
 
Partindo de [[São Paulo]] existem vôos pela [http://www.lanchile.com/ Lan Chile] e [http://www.aerolineas.com.ar/ Aerolíneas Argentinas], com escalas em [[Santiago do Chile]] e [[Buenos Aires]]. O tempo de vôo entre estas cidades e Auckland varia entre 13 e 14 horas sem escalas. Por isso muna-se com um livro, palavras cruzadas ou outro tipo de entretenimento.
  
Se você estiver na [[Austrália]] ou próxima dela ([[Indonésia]], [[Japão]], [[Malásia]], [[Cingapura]], etc) é possível voar pelas companhias [http://www.qantas.com.au/ Quantas], [http://www.airnewzealand.com/ Air New Zealand], [http://www.singaporeair.com/ Singapore Airlines], [http://www.malaysiaairlines.com/ Malaysia Airlines] ou [http://www.bruneiair.com/ Royal Brunei]. Esta última oferece ótimos preços entre o sudeste asiático e a Nova Zelândia. Também existe a opção da companhia low-fare [http://www.virginblue.com.au/ Virgin Blue], do mesmo grupo da Quantas que mantém vôos regulares entre Auckland e diversas cidades da Austrália e Oceania.
+
Se você estiver na [[Austrália]] ou próxima dela ([[Indonésia]], [[Japão]], [[Malásia]], [[Cingapura]], etc) é possível voar pelas companhias [http://www.qantas.com.au/ Quantas], [http://www.airnewzealand.com/ Air New Zealand], [http://www.singaporeair.com/ Singapore Airlines], [http://www.malaysiaairlines.com/ Malaysia Airlines] ou [http://www.bruneiair.com/ Royal Brunei]. Esta última oferece ótimos preços entre o sudeste asiático e a Nova Zelândia. Também existe a opção da companhia low-fare [http://www.virginblue.com.au/ Virgin Blue], do mesmo grupo da Quantas que mantém vôos regulares entre Auckland e diversas cidades da [[Austrália]] e [[Oceania]].
  
Não existe melhor forma de seguir este itinerário que por vias automobilísticas, ou seja, você deve alugar um carro em Auckland e seguir adiante. A Nova Zelândia possui uma grande frota de veículos para locação que variam desde pequenos carros 1.0 até grandes van's e trailers com vários preços diferentes em diversas agências, algumas multinacionais como Hertz e Avis e outras locais que prestam ótimos serviços.  
+
Não existe melhor forma de seguir este itinerário que por vias automobilísticas, ou seja, você deve alugar um carro em Auckland e seguir adiante. A [[Nova Zelândia]] possui uma grande frota de veículos para locação que variam desde pequenos carros 1.0 até grandes van's e trailers com vários preços diferentes em diversas agências, algumas multinacionais como Hertz e Avis e outras locais que prestam ótimos serviços.  
  
Indico fortemente pequenas agências para a locação. Além do valor mais baixo, a burocracia é ínfima se comparada com uma grande agência e os veículos são equivalentes. Entretanto observe que é necessário encontrar uma locadora que possua escritórios em Auckland, [[Wellington]], [[Picton]] e [[Christchurch]] pois é necessário deixar o carro em Wellington para fazer a travessia entre as duas ilhas e alugar outro carro em Picton. Com isso economiza-se no valor da tarifa do ferry entre as duas ilhas e também na locação.
+
É seguramente indicado pequenas agências para a locação. Além do valor mais baixo, a burocracia é ínfima se comparada com uma grande agência e os veículos são equivalentes. Entretanto observe que é necessário encontrar uma locadora que possua escritórios em [[Auckland]], [[Wellington]], [[Picton]] e [[Christchurch]] pois é necessário deixar o carro em Wellington para fazer a travessia entre as duas ilhas e alugar outro carro em Picton. Com isso economiza-se no valor da tarifa do ferry entre as duas ilhas e também na locação.
  
 
Uma das agências que possui este serviço é a [http://www.bargainrentals.co.nz/ Bargain Rental Cars], pequena agência neozelandeza que conta com escritórios nas cidades informadas e também serviço de transfer do aeroporto/porto. O preço varia entre 20 a 45% mais barato que as grandes agências para veículos de mesma categoria.
 
Uma das agências que possui este serviço é a [http://www.bargainrentals.co.nz/ Bargain Rental Cars], pequena agência neozelandeza que conta com escritórios nas cidades informadas e também serviço de transfer do aeroporto/porto. O preço varia entre 20 a 45% mais barato que as grandes agências para veículos de mesma categoria.
Linha 45: Linha 45:
 
==Circule==
 
==Circule==
 
O itinerário segue da ilha norte para a ilha sul passando (não necessariamente) pelas mais interessantes locações da trilogia. O roteiro é:
 
O itinerário segue da ilha norte para a ilha sul passando (não necessariamente) pelas mais interessantes locações da trilogia. O roteiro é:
* [[Matamata]] - Pequena cidade próxima de Auckland onde está Hobbintown, local onde foi construído o condado dos Hobbits
+
* [[Matamata]] - Pequena cidade próxima de Auckland onde está '''Hobbiton''', local onde foi construído o condado dos Hobbits
* [[Taupo]]/[[Tongariro National Park]] - Parque onde se encontra o Monte Tongariro que na trilogia é a famosa Torre do Olho
+
* [[Taupo]]/[[Tongariro National Park]] - Parque nacional onde se encontra o Monte Tongariro, torre de Sauron e também o país dos Orcs
 
* [[Wellington]] - Diversas locações
 
* [[Wellington]] - Diversas locações
* [[Nelson]] - cidade onde estão a joalheria rsponsável pela confecção dos anéis e a cervejaria dos Hobbits
+
* [[Nelson]] - cidade onde estão a joalheria responsável pela confecção dos anéis e a cervejaria dos Hobbits
* [[Arrowtown]] - algumas das mais belas locações foram realizadas nesta região
+
* [[Arrowtown]] - região de algumas das mais belas locações
 
* [[Monte Cook National Park]] - os faróis de Minas Tirith
 
* [[Monte Cook National Park]] - os faróis de Minas Tirith
 +
 +
Grande parte das locações podem ser acessadas de carro e/ou por caminhada. Entretanto para algumas é necessário participar de tour com empresas de turismo da região. Esta "dificuldade" aparece por dois motivos: 1) muitas locações estão dentro de áreas reservadas ou de propriedade particular que somente empresas especializadas possuem autorização para acesso e 2) algumas locações são "perdidas" no meio de regiões desconhecidas e podem passar sem ser vistas se não existir um guia junto.
 +
 +
Uma ótima dica é procurar em Auckland um livro chamado '''The Lord of the Rings Location Guidebook''' escrito por [http://homepage.mac.com/brodes Ian Brodie], autor e fotógrafo neozelandês constantemente contratado por empresas de cinema para ciceronear suas equipes pelo país. Este livro traz a lista completa das locações dos três filmes com informações que vão desde a localização, rotas e até mesmo dados de latitude e longitude para a localização via GPS.
 +
 +
Se você tiver tempo, é possível comprar o livro pela Internet autografado pelo autor [http://www.aotearoa.co.nz/lotr.htm].
  
 
==Segurança==  
 
==Segurança==  
 
==Partir==
 
==Partir==
 +
 +
 +
{{delineado}}
 +
{{IsIn|Nova_Zelândia}}

Edição atual desde as 16h33min de 20 de março de 2011

Este artigo é um itinerário.


Seguindo os Anéis se localiza na Oceania.

Entenda[editar]

Depois de 30 nominações, arrematar 17 estatuetas do Oscar e ser considerado a trilogia mais vitoriosa do cinema mundial [1], Senhor dos Anéis continuou a mexer com o interesses de seus fãs sobre o tema, principalmente para conhecer as locações originais na Nova Zelândia, terra de seu diretor, Peter Jackson.

Movido pelo menos interesse, pude percorrer durante quinze dias grande parte das locações existentes (ou que ainda estão conservadas) e também conhecer alguns locais que, de uma forma ou outra, estiveram presentes nos filmes. A jornada passou por diversas cidades e não segue o roteiro da trilogia, mas sim uma lógica de viagem para a apreciação não só das locações, mas também de tudo o que o país tem a oferecer.

Este itinerário trata disso, uma viagem por locações da trilogia do Senhor dos Anéis, dentro da Nova Zelândia e também pelos pontos de maior interesse turístico.

Prepare-se[editar]

A preparação da viagem consiste basicamente na obtenção dos documentos necessários, preparação da mala (preferível mochila) e um pouco de condicionamento físico para as inevitáveis caminhadas. Com isso qualquer viajante pode seguir este roteiro e acrescentar outras partes que sejam interessantes.

Documentos[editar]

Para os brasileiros somente é necessário o passaporte válido (seis meses) e a carteira de habilitação (necessária para aluguel de carro). Não é necessário visto para estada de até 90 (noventa) dias.

É interessante que você possua uma transcrição ou tradução em inglês da carteira de habilitação para apresentação, caso necessário, a locadora de carros ou autoridade de trânsito. Esta transcrição pode ser feita por você e autenticada em um consulado ou embaixada brasileira ou neozelandesa em qualquer parte do mundo. Não esqueça de levar a original para conferência.

Mala (mochila)[editar]

Para acessar várias locações em determinados pontos da viagem é necessário caminhar por minutos ou horas. Por este motivo torna-se mais apropriado o uso de uma mochila onde possa carregar pelo menos um agasalho, água, câmera fotográfica e de vídeo e alguns produtos de higiene pessoal. Algumas mochilas maiores possuem uma menor incorporada, conhecida como "mochila de ataque", cujo par se torna perfeito para uma viagem como esta.

Sua mala/mochila deve conter, ao mínimo, os seguintes ítens:

  • tênis com bom solado, resistente e confortável para as caminhadas, travessias de riachos e pequenas escaladas em pedras ou barrancos;
  • agasalho para chuva e frio. Dependendo do período do ano as chuvas são constantes. Em outros períodos, neva em algumas partes do país (não aconselhável ir entre maio e setembro);
  • bermudas de secagem rápida como naylon ou dry-fit. Essencial para as caminhadas
  • camisetas de manga curta e longa, principalmente para uso no meio da mata de parques nacionais.

Condicionamento físico[editar]

As caminhadas com subidas, descidas, travessias de pontes e barrancos podem cansar aqueles que não possuem bom condicionamento físico. Não é necessário estar preparado para a participação em uma maranota mas é interessante que ao menos consiga caminhar a passo lento por duas ou três horas sem muita dificuldade.

Chegar[editar]

Torre de TV - Auckland

Para este roteiro inevitavelmente você deve desembarcar no Aeroporto Internacional de Auckland, na ilha norte.

Partindo de São Paulo existem vôos pela Lan Chile e Aerolíneas Argentinas, com escalas em Santiago do Chile e Buenos Aires. O tempo de vôo entre estas cidades e Auckland varia entre 13 e 14 horas sem escalas. Por isso muna-se com um livro, palavras cruzadas ou outro tipo de entretenimento.

Se você estiver na Austrália ou próxima dela (Indonésia, Japão, Malásia, Cingapura, etc) é possível voar pelas companhias Quantas, Air New Zealand, Singapore Airlines, Malaysia Airlines ou Royal Brunei. Esta última oferece ótimos preços entre o sudeste asiático e a Nova Zelândia. Também existe a opção da companhia low-fare Virgin Blue, do mesmo grupo da Quantas que mantém vôos regulares entre Auckland e diversas cidades da Austrália e Oceania.

Não existe melhor forma de seguir este itinerário que por vias automobilísticas, ou seja, você deve alugar um carro em Auckland e seguir adiante. A Nova Zelândia possui uma grande frota de veículos para locação que variam desde pequenos carros 1.0 até grandes van's e trailers com vários preços diferentes em diversas agências, algumas multinacionais como Hertz e Avis e outras locais que prestam ótimos serviços.

É seguramente indicado pequenas agências para a locação. Além do valor mais baixo, a burocracia é ínfima se comparada com uma grande agência e os veículos são equivalentes. Entretanto observe que é necessário encontrar uma locadora que possua escritórios em Auckland, Wellington, Picton e Christchurch pois é necessário deixar o carro em Wellington para fazer a travessia entre as duas ilhas e alugar outro carro em Picton. Com isso economiza-se no valor da tarifa do ferry entre as duas ilhas e também na locação.

Uma das agências que possui este serviço é a Bargain Rental Cars, pequena agência neozelandeza que conta com escritórios nas cidades informadas e também serviço de transfer do aeroporto/porto. O preço varia entre 20 a 45% mais barato que as grandes agências para veículos de mesma categoria.

Circule[editar]

O itinerário segue da ilha norte para a ilha sul passando (não necessariamente) pelas mais interessantes locações da trilogia. O roteiro é:

  • Matamata - Pequena cidade próxima de Auckland onde está Hobbiton, local onde foi construído o condado dos Hobbits
  • Taupo/Tongariro National Park - Parque nacional onde se encontra o Monte Tongariro, torre de Sauron e também o país dos Orcs
  • Wellington - Diversas locações
  • Nelson - cidade onde estão a joalheria responsável pela confecção dos anéis e a cervejaria dos Hobbits
  • Arrowtown - região de algumas das mais belas locações
  • Monte Cook National Park - os faróis de Minas Tirith

Grande parte das locações podem ser acessadas de carro e/ou por caminhada. Entretanto para algumas é necessário participar de tour com empresas de turismo da região. Esta "dificuldade" aparece por dois motivos: 1) muitas locações estão dentro de áreas reservadas ou de propriedade particular que somente empresas especializadas possuem autorização para acesso e 2) algumas locações são "perdidas" no meio de regiões desconhecidas e podem passar sem ser vistas se não existir um guia junto.

Uma ótima dica é procurar em Auckland um livro chamado The Lord of the Rings Location Guidebook escrito por Ian Brodie, autor e fotógrafo neozelandês constantemente contratado por empresas de cinema para ciceronear suas equipes pelo país. Este livro traz a lista completa das locações dos três filmes com informações que vão desde a localização, rotas e até mesmo dados de latitude e longitude para a localização via GPS.

Se você tiver tempo, é possível comprar o livro pela Internet autografado pelo autor [2].

Segurança[editar]

Partir[editar]

Este artigo está delineado e precisa de mais conteúdo. Ele já segue um modelo adequado mas não contém informações suficientes. Mergulhe fundo e ajude-o a crescer!


Variantes

Ações

Docentes do destino

Noutras línguas