Contribua para um artigo e ajude o wikitravel a crescer! Aprenda como.

Meknès

Da Wikitravel
Revisão das 18h42min de 26 de outubro de 2009 por Tiagox2 (discussão | contribs)

Ir para: navegação, pesquisa
Bab Mansour, Meknès.

Meknès (مكناس) é uma cidade marroquina, capital da província homónima. Meknès foi construida há mais de 350 anos e continua a abrigar mesquitas, palácios, e jardins. A cidade histórica é rodeada por uma enorme muralha de 40km de ameias e torres. Uma das principais atracções é o Palácio de Dar El Kebira construído pelo sultão Moulay Ismail no séc. XVII.

Entenda

A moderna cidade de Meknès é uma das mais fascinantes cidades de Marrocos, com a sua vibrante vida nocturna, restaurantes e um impressionante Palácio Real. Como é ignorada pela maior parte dos turistas, também está livre dos habituais inconvenientes (guias falsos, etc.) dos grandes centros turísticos.

Meknès seja uma cidade imperial com muitos monumentos históricos e sítios naturais; é também a cidade mais próxima das ruínas romanas de Volubilis (Oualili). Os preços em Meknès são muito mais razoáveis e as pessoas são muito mais simpáticas do que em outras cidades marroquinas.

Chegar

De comboio/trem

Meknès tem duas estações de comboios. A Gare Meknès fica inconvenientemente situada nos confins da parte este da cidade, embora esteja mais perto da estação de comboios da CTM. A estação em que a maior parte dos visitantes desembarcam é a pequena Gare el Amir Abdelkader (tel. 035/522763), a uma pequena caminhada da Avenue Mohammed V, na Ville Nouvelle. Tanto petits como grands taxis estão geralmente à espera mesmo fora da estação. Uma viagem de petit taxi até à medina não deve custar mais do que 10dh a 15dh. Insista com o taxista para usar o taxímetro, pois está legalmente obrigado a tal.

Existem comboios diários para Meknes desde muitas cidades do oeste de Marrocos(não existem comboios desde a Cordilheira do Atlas nem das Montanhas de Rif ou do centro de Marrocos e dos oásis). Algumas das rotas mais populares são desde Casablanca (3 1/4 h; 86dh-128dh); Fez (45 min; 18dh-26dh); Marrakech (7 h; 162dh-247dh); Rabat (2 1/4 h; 59dh-86dh); e Tânger (4-5 1/2 h; 80dh-121dh). Desde destinos como Agadir, Essaouira, e Tétouan, irá viajar parte da viagem ou a viagem completa no autocarro da Supratours. Reservas só são aceites com um mês de antecedência e podem ser feitas tanto de telefone (tel. 090/203040 só desde Marrocos), como de bilheteiras na estação, ou através de agentes autorizados. O pagamento nas estações tem de ser em dinheiro, embora alguns agentes aceitem cartões de crédito.

De autocarro/ônibus

Existem autocarros para Meknès desde quase qualquer lado em Marrocos, incluindo Agadir (11 h; 200dh-230dh); Casablanca (5 h; 80dh-90dh); Chefchaouen (5 1/2 h; 60dh-80dh); Erfoud (10 h; 100dh-110dh); Fez (1 h; 20dh); Marrakech (9 h; 140dh-160dh); Rabat (3 1/2 h; 50dh-60dh); e Tânger (6 h; 80dh-90dh). Para além da CTM, que opera desde a sua própria estação na Ville Nouvelle, todas as companhias de autocarro de longa distância chegam na Gare Routière, a pouca distância do Portão de Bab el Khemis, a uma caminhada de 10 minutos desde a Place el Hedim. Aberta 24h, tem restaurantes, cafés, e oferece um bom serviço de armazenamento de bagagem (5dh por mala), aberto desde as 6h até à meia-noite.

Se não quiser caminhar, existem alguns petits taxis azuis à sua espera fora da estação pra o transportar. Não deve custar mais do que 10dh a 15dh para chegar ao seu destino.

Para viajar para além de Meknès, todas as companhias (excepto a CTM, que tem a sua própria estação) saem da estação de autocarros, onde cada uma tem as suas próprias bilheteiras (tem que pagar em dinheiro). Para uma partida de madrugada ou durante a estação alta para Chefchaouen, Marrakech, e Tânger, é aconselhável comprar o seu bilhete no dia anterior. A CTM (tel. 022/438282 reservas; [1]) opera desde a sua própria estação operates na esquina da Avenue des F.A.R. e da Avenue Yacoub el Mansour (tel. 035/522585) na Ville Nouvelle. Os serviços internacionais da CTM para Espanha e França também saem daqui. Dentro da estação, aberta 24h, há um serviço de armazenamento bagagem (5dh por mala), aberto desde as 6:00h até à meia-noite, e um pequeno café. É uma caminhada de 10 minutos (cerca de 500m) pela Avenue des F.A.R. até à ponta sul da Avenue Mohammed V. Pode também apanhar um petit taxi.


De Grand Taxi

A maior parte dos grands taxis de longa distância operam ao longo do dia desde um terreno vazio adjacente à Gare Routière, incluindo os que vem de Fez (45 min; 20dh); Ifrane (1 h; 25dh); e Rabat (2 h; 45dh). Aqueles que oferecem a rota para Moulay Idriss Zerhoun (35 min; 15dh) estão em frente do Institute Français na Avenue des Nations Unies (na estrada para Tânger/Chefchaouen), de onde pode pode também arranjar uma viajem para Moulay Idriss Zerhoun e Volubilis, e depois de volta a Meknès. Também se podem arranjar com grands taxis fora da estação da CTM, e na esquina da Avenue des F.A.R. e da Avenue Allal ben Abdallah. Viagens de Meknès para Volubilis e de volta a Meknès custam normalmente 300dh por táxi, um uns extra 100dh por uma paragem em Moulay Idriss Zerhoun. Um grand taxi pode levar confortavelmente quatro passageiros, seis apertados. Nota: Lembre-se de pagar no fim da viagem, e não no princípio.

De carro

Entrando na cidade através da estrada Fez-Meknès, apanhe a saída Meknes-est (Meknès-leste) - vai trazê-lo para a grande intersecção entre a medina e a Ville Nouvelle. Vir desde Chefchaouen ou da costa vai trazê-lo á intersecção da Avenue Hassan II nos confins da Ville Nouvelle. Na medina existe lugar de estacionamento na Place Lalla Aouda. Estacionamentos de rua na Ville Nouvelle são vigiados por guardiães locais, que costumam receber 10dh por cada dia e noite que se estaciona aí. Riscas vermelhas e brancas significa que é proíbido estacionar.

Circule

De caleche

Uma divertida e original maneira de ver a medina é através de uma pequena carruagem - a caleche. Com espaço para cinco passageiros, estão noemalmente estacionados na entrada para a Place el Hedim ou ao lado da Place Lalla Aouda na rua que vai dar ao Mausoléu de Moulay Ismail. Pode alugar uma caleche por cerca de 80dh por hora.

A pé

É mais fácil andar na medina e no centro da Ville Nouvelle. Desde a Place el Hedim pode alcançar facilmente as principais atracções, hotéis e restaurantes a pé. Um petit taxi só será preciso se quiser ir para a estação da CTM. A caminhada entre a Place el Hedim e a Ville Nouvelle demora cerca de 30 minutos.

De Táxi

Os petits taxis são a forma mais conveniente de viajar entre a medina e a Ville Nouvelle. Os pequenos e azuis veículos do governo podem ser encontrados em quase qualquer lado. Geralmente pode pedir um na recepção do seu hotel ou apanhar um na rua. Os condutores só podem levar três passageiros de cada vez, mas tenha cuidado, pois se houver um lugar vazio, pode levar mais um passageiro. Peça sempre ao condutor para meter o taxímetro. A maior parte das viagens entre a Ville Nouvelle e a medina não deve custar mais do que 10dh ($1.25/65p) durante o dia e um pouco mais depois das 20:00hh, quando o preço sobe 50%. Os Petits taxis só operam nos arredores da cidade; para transporte até Moulay Idriss Zerhoun e Volubilis, vai ter que ir num grand taxi.

Veja

Madraça de Bou Inania, Meknès.
  • Bab Mansour - Bab signifa "portão" ou "porta" em arábico e Bab Mansour é o maior e mais impressionante portão de Meknès. Está directamente em frente da Place Hedim, a praça principal da medina.
  • Place Hedim - Recentemente restaurada, esta praça outrora rivalizou com a Djemaa el-Fna de Marrakech, sendo agora menos interessante (embora ainda hajam alguns cafés e lojas de snacks para observar as pessoas).
  • Heri es-Souani - Pode-se ter um vislumbre da grandeza de Moulay Ismail nestes celeiros, sentado à beira da enorme Bacia de Agdal.
  • Real Campo de Golfe de Meknès - Um lugar absolutamente maravilhoso: os jardins são maravilhosamente preservados e estão completamente rodeados pelas muralhas do palácio. Abriram ao público em Setembro de 2007, por isso agora é possível ter uma vista de olhos de como é. Existem também um café no campo. é possível comer no terraço com vista para o campo, por isso tem que reservar.
  • Madraça de Bou Inania - Uma bela escola do Alcorão.
  • Dar Jamai - Agora um museu (Musèe Dar Jamai, em francês), este antigo palácio localiza-se atrás da Place Hedim. Actualmente é o Museu das Artes Marroquinas, que exibe artefactos, jóias e cópias antigas do Alcorão. Um belo museu, com um fantástico jardim no exterior.
  • Habs Qara - Uma enorme prisão subterrânea onde Moulay Ismail alegadamente manteve presos cristãos.
  • Mausoléu de Moulay Ismail - Embora não seja permitida a entrada a não-muçulmanos, pode ver os túmulos, de Moulay Ismail e de outros parentes, desde a entrada
  • Al masjid Al Adam - A maior e mais antiga mesquita da cidade (Nota: não é permitida a entrada a não-muçulmanos).
  • Mesquita da Medina de Meknès - Construída perta duma loja do Alcorão, que foi construída em 1350.

Faça

  • Mercado da Lã - Na ponta do souq fica o Mercado de Lão, onde se podem ver cestos de lã à espera de serem preparados para serem transformados em novelos, tingidos e tecidos para fazerem carpetes.
  • Mercado da Comida - Perto do Bab el Mansour, vende de todos os tipos de comida.

Compre

Coma

Beber e sair

Durma

Partir

Volubilis.
  • As Ruínas Romanas de Volubilis (Oualili em arábico e berbere) - Este Património Mundial da UNESCO fica a pouca distância de Meknès. Uma opção barata é ir de táxi (através da vila de Moulay Idriss, que também merece uma visita), uma visita deve custar cerca de 300-350dh. O condutor espera que explore o sítio. Não há quase nenhuma sombra, por isso traga um chapéu e água, pois pode ficar muito quente. Um grande museu arqueológico está a ser construído no sítio (abre em 2011), para dispor o que está a ser exibido em Rabat.
  • Moulay Idriss Zerhoun - A 14km de Meknès e mesmo à beira de Volubilis, esta pequena cidade na colina foi fundada por Moulay Idriss II e é um sítio sagrado para os islâmicos. Todos os anos há um moussem aqui.


Variantes

Ações

Docentes do destino

Noutras línguas

outros sites