Contribua para um artigo e ajude o wikitravel a crescer! Aprenda como.

Açores

Da Wikitravel
Ir para: navegação, pesquisa
Os Açores são um arquipélago e região autónoma portuguesa no Oceano Atlântico. São conhecidos pela sua beleza natural, património e pela observação de baleias. Alguns dos seus destinos mais visitados são Angra do Heroísmo, a Lagoa das Sete Cidades e o Vulcão dos Capelinhos.

Índice

Entenda[editar]

O arquipélago é composto por 9 ilhas habitadas e alguns ilhéus, com uma área total de 2 337 km2 e 237 000 habitantes (1991). O arquipélago tem origem vulcânica, com alguns vulcões ainda activos e manifestações sísmicas.

História[editar]

Os Açores tem quase seis séculos de presença humana. A povoação nas ilhas começou por volta de 1432. Gonçalo Velho chegou à ilha de Santa Maria em 1431, e nos anos seguintes procedeu-se ao descobrimento do resto das ilhas do arquipélago.

Foram declarados região autónoma na Constituição Portuguesa de 1976.

Clima[editar]

Mapa dos Açores.

O arquipélago possui um clima temperado, com temperaturas médias de 13°C no Inverno e 24°C no Verão. As águas marítimas tem uma temperatura média entre 17 e 23 graus centígrados, devido à proximidade da Corrente do Golfo. A humidade média é de cerca de 75%. Tempestades tropicais passam pelas ilhas com relativa frequência, e por vezes até furacões.

  • Para mais informações sobre o clima nos Açores, veja website do projecto CLIMAAT - Clima e Meteorologia das Ilhas Atlânticas (em português e castelhano) [1].

Regiões[editar]

O Grupo Oriental, mais próximo do continente europeu, é composto pela ilhas de Santa maria e São Miguel.

O Grupo Central, é constituído por cinco ilhas: Terceira e Graciosa, a que se juntam as ilhas do Faial, Pico e São Jorge, estas três últimas, pela sua relativa proximidade, são chamadas as "Ilhas do Triângulo".

Grupo Ocidental, composto pelas ilhas do Corvo e das Flores, o território mais ocidental da Europa.

Lagoa das Sete Cidades.

Cidades[editar]

Outros destinos[editar]

  • Lagoa das Sete Cidades;
  • Lagoa do Fogo;
  • Lagoa das Furnas;
  • Vulcão dos Capelinhos.
  • Montanha do Pico

Chegar[editar]

Para entrar no arquipélago é necessário um passaporte e um visto válido em alguns casos, exceto para os cidadãos da União Europeia, Liechtenstein e Suíça, para os quais é apenas necessário bilhete de identidade.

Os cidadãos de países com os quais Portugal não mantenha relações diplomáticas ou consulares devem endereçar o seu pedido de visto directamente às autoridades portuguesas.

De barco[editar]

Muitos cruzeiros param no arquipélago em viagens transatlanticas.

De avião[editar]

--95.93.75.208 13h44min de 21 de Março de 2012 (EDT)Todas as ilhas dispõem de estruturas aeroportuárias, sendo quatro os aeroportos internacionais no arquipélago: Aeroporto João Paulo II - em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel(PDL) Aeroporto de Santa Maria - em Vila do Porto, na ilha de Santa Maria(SMA) Aeroporto da Horta - na Horta, na ilha do Faial(HOR) Aeroporto das Lajes - nas Lajes (Praia da Vitória), na ilha Terceira(TER)

  • Azores Express [2] liga Nova Inglaterra com o arquipélago. Parte do Grupo SATA, que liga os Açores com a Europa continental.
  • SATA Internacional [3] - Liga os Açores e os principais centros europeus, tais como Paris, Amsterdam e Frankfurt, Londres, Madrid, Lisboa, Porto, para além de outros destinos como as Gran Canaria, Madeira, Boston, Nova Iorque e Monreal.
  • TAP [4] - Liga os Açores com Lisboa e Funchal.
  • Sata Air Azores (http://www.sata.pt) - Liga as várias ilhas dos Açores entre si.

Existem aeroportos em todas as ilhas. Assim, para além dos aeroportos internacionais referidos, existem estruturas aeroportuárias nas ilhas do Pico, Graciosa, São Jorge, Flores e Corvo.

Circule[editar]

--95.93.75.208 14h36min de 21 de Março de 2012 (EDT)Na maior parte das ilhas, particularmente nas maiores - São Miguel, Terceira ou Pico - o meio de deslocação mais aconselhável é o automóvel. Há empresas de "rent-a-car" em praticamente todas as ilhas. Quem pretenda ficar vários dias numa das ilhas mais pequenas poderá ter vantagem em optar pelo regime de aluguer "ao quilómetro" em vez de "quilometragem ilimitada". Todas as ilhas dispõem de um moderno serviço de autocarros.

--95.93.75.208 14h36min de 21 de Março de 2012 (EDT)As ligações entre as ilhas são asseguradas por avião, durante todo o ano. Mas a forma mais agradável de viajar entre as ilhas, particularmente no Verão, é de barco. A empresa AtlanticoLine [5] assegura ligações de ferry-boat entre as várias ilhas de Abril a Outubro. Entre as ilhas do Faial, Pico e São Jorge existem ligações diárias de barco, durante todo o ano, asseguradas pela Transmaçor [6] - nos dias de semana, no mínimo, há três ligações por dia (de manhã cedo, a meio do dia e no final da tarde). É ainda possível, junto de operadores locais, alugar veleiros ou lanchas com e sem "skeeper", mas para isso aconselha-se antecedência na reserva. Para aqueles que pretendam viajar para os Açores de iate, há excelentes marinas e portos de recreio em praticamente todas as ilhas. As principais marinas são a Marina da Horta [www.marinasazores.com/horta] (Faial), que se conta entre as mais movimentadas marinas do mundo, a Marina de Angra do Heroísmo [www.marinasazores.com/angra]e a Marina da Praia da Vitória (Terceira), a Marina de Ponta Delgada [www.marinasazores.com/pdl] (São Miguel), existindo ainda marinas e bem equipados portos de recreio em Vila do Porto (Santa Maria), em Vila Franca e em Povoação (São Miguel), nas Lajes (Pico), em Santa Cruz (Graciosa) e nas Velas (São Jorge). As principais marinas são geridas pela empresa Portos dos Açores. --95.93.75.208 14h58min de 21 de Março de 2012 (EDT)Em Ponta Delgada (São Miguel) situa-se o mais moderno porto de cruzeiros dos Açores, o complexo das Portas do Mar [7].

Sendo estas ilhas vulcânicas, em muitas partes do arquipélago o terreno é íngreme e montanhoso. Muitas das estradas ficam em colinas íngremes. --95.93.75.208 14h36min de 21 de Março de 2012 (EDT)A bicicleta poderá ser uma opção para a circulação nas cidades e localidades. Para percorrer as ilhas a bicicleta só será opção para quem esteja em muito boa forma física. Há empresas que alugam bicicletas em praticamente todas as ilhas.

Veja[editar]

Cada uma das nove ilhas é um mundo.

Em São Miguel, veja: - Lagoa das Sete Cidades - Lagoa das Furnas - Lagoa do Fogo - As plantações de Chá Gorreana e do Porto Formoso (as únicas plantações de chá da Europa) - O Parque botânico Terra Nostra (que se conta entre os melhores jardins botânicos do Mundo) - As "estufas de ananás", onde se plantam os que são considerados, ainda, "os melhores ananases do mundo". - A "Gruta do Carvão" - um extenso tubo lávico existente sob a cidade de Ponta Delgada - As as deslumbrantes vistas dos muito ajardinados miradouros do concelho de Nordeste.

Em Santa Maria, Veja: - O miradouro do Pico Alto - Vila do Porto - O Barreiro da Faneca - A Baía de São Lourenço

Na Terceira, não deixe de ver: - A monumentalidade da cidade de Angra do Heroísmo, Património da Humanidade - O Museu de Angra do Heroísmo - O "Algar do Carvão" - Os "Mistérios Negros"

No Faial,há que visitar: - A Marina da Horta com as suas centenas de pinturas murais deixadas pelos marinheiros quye por ali passam; - O Monte da Guia; - O Vulcão dos Capelinhos e o seu Centro de Interpretação - O Caldeirão; - O Museu e Centro de Interpretação de Porto Pim - O mítico Café Peter Sport onde diz a tradição dos mareantes beber-se "o melhor gin do mundo"

No Pico, não deixar de vistar: - A Paisagem Protegida da Vinha do Pico, Património da Humanidade - o Museu do Vinho - o Museu da Indústria Baleeira, em São Roque - o Museu dos Baleeiros, nas Lajes - o Museu da Construção Naval, em Santo Amaro - a localidade do Lajido - a Montanha do Pico - a Lagoa do Capitão

Em São Jorge, há que visitar: - a Fajá do Santo Cristo - a Fajã dos Cubres - a Fajã do Ouvidor

Nas Flores é obrigatório visitar: - o Poço da Alagoinha - a Rocha dos Bordões - as lagoas Rasa e Funda

No Corvo, é imperdível: - a própria Vila do Corvo - o Cardeirão

Na Graciosa há que visitar: - a Furna do Enxofre e o seu Centro de Interpretação - O Museu da Graciosa

Faça[editar]

Noa Açores não deixe de fazer:

- Observação de Cetáceos (whalewatching), havendo operadores em todas as ilhas e uma rede de museus ligados ao tema da baleação particularmente nas ilhas do Pico e do Faial; - Passeios pedestres (hiking), podendo recorrer à preciosa ajuda de "Trails Azores" (http://http://www.trails-azores.com), onde encontrará informação detalhada dos vários percursos pedestres disponíveis em cada ilha, bem como mapas cartográficos para download e informação técnica e de segurança. - Mergulho, havendo mais de 90 spots e operadores certificados em praticamente todas as ilhas; - Visite as grutas e e túneis de origem vulcânica abertas ao público. Há centenas que não estão abertas ao público, embora possam excecionalmente ser visitadas desde que a visita seja autorizada e acompanhada por especialistas. A associação "Montanheiros" (http://http://www.montanheiros.com), situada na Terceira, pode ser a entidade indicada para ajudar a organizar algumas expedições menos comuns, mesmo noutras ilhas. Existem vários centros de interpretação ligados às grutas e túneis abertos ao público. - Faça uma viagem de barco entre ilhas. As ilhas do "Triângulo" (Faial, Pico e São Jorge) estão ligadas entre si por barco durante todo o ano, sendo asseguradas pelo menos três viagens por dia. No período da primevera e verão, ferrys asseguram ligação entre todas as ilhas.

Fale[editar]

Em todas as ilhas a língua usada é português, o que facilita a comunicação, mas o sotaque açoriano pode ser difícil de "decifrar".

Compre[editar]

  • Artesanato local feito de miolo de hortênsias e escamas de peixe
  • Mel dos Açores - A apicultura é favorecida pelo clima do arquipélago e pela ausência de doenças graves nas abelhas, possibiltando a produção de mel de alta qualidade, considerados por muitos o melhor do país.
  • Queijo do Pico - É um queijo com origem na Ilha do Pico, fabricado com leite de vaca cru, obtido através do esgotamento da coalhada, após a utilização de coalho de origem animal.
  • Queijo de São Jorge - Queijo oriundo da Ilha de São Jorge.
  • Doces/Pastelaria - Covilhetes, donas-amélias e rosquilhas.
  • Vinho do Pico - Um dos melhores vinhos do paísConsumido pelos czares da Rússia e pelos reis de Inglaterra, a sua fama era tal que os médicos recomendavam-o e Leon Tolstoi referiu-o em "Guerra e Paz". No século XIX as vinhas (um Patrimônio da Humanidade) foram atingidas por doenças, que a sua produção reduziu-se apenas ao consumo caseiro. Contudo, há uns anos atrás um conjunto de agricultores renovou esta tradição, produzindo o vinho que agora toma o nome de "Lajido".


Coma[editar]

  • Cozido das Furnas - Sem dúvida é o mais emblemático prato de São Miguel. Composto por várias carnes, os típicos enchidos micaelenses e legumes, é muito semelhante ao "cozido á portuguesa", do qual se distingue por ser cozinhado muito lentamente numa panela enterrada na terra que aproveita o calor produzido pela actividade vulcânica, tornando este prato único do mundo.
  • Alcatra à moda da Terceira - Um dos pratos mais tradicionais do arquipélago, provavelmente com origem na Chanfana das Beiras. A receita, característica da Terceira, varia de região para região da ilha.

--95.93.75.208 15h25min de 21 de Março de 2012 (EDT)* A Alcatra de Peixe, quando bem feita, também é de não perder.

  • Peixe e Marisco: lagosta, percebes, "cavaco", "cracas".

--95.93.75.208 15h25min de 21 de Março de 2012 (EDT)* Lapas grelhadas ou, se conseguir encontrar, arroz de lapas, são de experimentar.

  • Queijo do Pico - É um queijo com origem na Ilha do Pico, fabricado com leite de vaca cru, obtido através do esgotamento da coalhada, após a utilização de coalho de origem animal.
  • --95.93.75.208 15h25min de 21 de Março de 2012 (EDT)Queijo de São Jorge São Jorge - o chamado "Queijo da Ilha", exclusivamente produzido na ilha de São Jorge, com certificação DOP (Denominação de Origem Protegida), é um queijo curado de pasta dura ou semi-dura, de sabor limpo, ligeiramente picante e aroma intenso.

--95.93.75.208 15h25min de 21 de Março de 2012 (EDT)Não perder, em São Miguel, a "massa sovada" e os "bolos lêvedos".

Beber e sair[editar]

  • Vinho do Pico - Um dos melhores vinhos do país. Os czares da Rússia e os reis de Inglaterra bebiam-o, e a sua fama era tal que os médicos recomendavam-o e Leon Tolstoi referiu-o em "Guerra e Paz". No século XIX as vinhas (um Patrimônio da Humanidade) foram atingidas por doenças, que a sua produção reduziu-se apenas ao consumo caseiro. Contudo, há uns anos atrás um conjunto de agricultores renovou esta tradição, produzindo o vinho que agora toma o nome de "Lajido".
  • Vinho brancos ["Frei Gigante" (Pico), "Terras de Lava"(Pico) e "Curral Atlantis" (Pico)]
  • Vinho de Cheiro Morangueiro, servido a jarro.
  • Vinho da Caloira (São Miguel)
  • Vinho dos Biscoitos (Terceira)
  • Aguardente da Terra e Aguardente da Graciosa
  • Vinho Abafado
  • Licores de Maracujá, Amora, Ananás e Leite são alguns dos mais tradicionais nestas paragens.
  • Kimas de Maracujá ou de Ananás (bebidas refrigerantes locais, de sabor distintivo)

À Noite: - Na Terceira, rume-se aos restaurantes, bares e esplanadas da Praia da Vitória. - Em São Miguel, a noite (e o dia) passam sempre às "Portas do Mar", em Ponta Delgda e às múltiplas esplanadas da Avenida Marginal. Para refeições a partir das 22:00 horas há que sair de Ponta Delgada e procurar nos arredores. As esplanadas das praias do Pópulo são alternativa em tempo quente. Uma saltada às Furnas para um banho na Poça de Beja, em águas correntes quentes, ao ar-livre, torna-se ainda mais apetecível se estiver a chover (mas atenção aos horários de encerramento). - No Faial, encontram-se na Horta alguns restaurantes interessantes e, particularmente, no verão, esplanadas e bares junto à Marina e na Marginal. E, seja verão ou inverno, há sempre o incontornável Peter Café Sport com o seu gin e petiscos para conforto da noite.

Durma[editar]

Uma excelente rede de casas de "Turismo Rural" de alta qualidade disponibiliza alojamento nas ilhas dos Açores. Estão organizadas na associação "Casas Açorianas" (http://www.casasacorianas.com), constituindo uma alternativa de alojamento em edifícios distintivos, tradicionais e típicos, de grande qualidade, disponíveis em praticamente todas as ilhas, embora com predominância nas ilhas de São Miguel, Terceira, Faial e Pico. Estas casas de turismo rural podem ser uma opção mais económica particularmente para famílias com mais de 3 membros ou a melhor solução para quem pretenda uma estada mais personalizada ou calma. A maioria das casas tem uma capacidade mínima para 4 pessoas, sendo normal encontrar-se habitações com capacidade para 6 e mais pessoas. As reservas podem ser feitas através da associação "Casas Açorianas".

  • Pousada de Angra do Heroísmo - São Sebastião, Pousada Histórica, Rua do Castelinho, s/n 9700-045 Angra do Heroísmo, +351-295 403 560 (, fax: +351-295 218 189), [9]. Dentro de uma Fortaleza do século XVI, mandada construir por El-Rei D. Sebastião (donde deriva o seu nome), exemplo único na arquitectura militar e conhecida como o Castelinho de São Sebastião, a Pousada de Angra do Heroísmo encontra-se dentro da zona histórica da cidade de Angra, classificada como Património da Humanidade pela UNESCO, em 1983.  editar
  • Pousada da Horta - Forte de Santa Cruz , Pousada de Charme, Rua Vasco da Gama 9900-017 Horta, +351-292 202 200 (, fax: +351-292 392 836), [10]. A Pousada da Horta, instalada dentro de uma Fortaleza do século XVI construída à frente de uma baía, foi classificada como Monumento Nacional, em 1947. Aos seus clientes, a Pousada oferece umas vistas excepcionais sobre a magnífica Ilha do Pico e sobre a sua famosa Marina, com Iates que atracam aqui vindos de todas as partes do mundo.  editar
  • The Lince Azores Great Hotel, Conference, Golf & Spa, Avenida Dom João, 29 9500-310 Ponta Delgada, Açores, +351 296 630 000 (, fax: +351 296 630 001), [11]. No The Lince Hotel nos Açores encontra uma grande diversidade de serviços para as suas férias, lua de mel ou mesmo para uma reunião de negócios. Um total de 154 quartos com vista mar, piscina interior e exterior, jardim, recepção 24 horas, portaria, salas reuniões, ginásio e spa.  editar
  • Aldeia da Fonte, Caminho de Baixo, Silveira, 9930-177 Lajes do Pico, Açores, +351 292 679 500 (, fax: +351 292 672 700), [12]. Circuitos BTT off-road, Moto 4, Observação de Pássaros, Passeios de Burro, Pesca com Cana, Pesca Desportiva, Táxi Marítimo, Yachting, Observação de Baleias e Golfinhos, Percursos pedestres, Aluguer de Bicicletas, Visitas Guiadas (Português, Inglês, Alemão, Hebreu) ,Subidas ao Vulcão.  editar

Aprenda[editar]

  • Universidade dos Açores [13] - Tem várias localizações, por todo arquipélago, incluindo Angra do Heroísmo (tel.: (+351) 295 402 200; fax: (+351) 295 402 205), Horta (tel.: (+351) 292 200 400; fax: (+351) 292 200 411) e Ponta Delgada (tel.: (+351) 296 650 000; fax: (+351) 296 650 035).

Segurança[editar]

Há muito pouco crime nos Açores. O pouco que existe é quase sempre relacionado com droga. São raros os crimes contra turistas.

Saúde[editar]

Respeite[editar]

Geralmente os açorianos são acolhedores e hospitaleiros, mas deve ter cuidado para não tocar em alguns assuntos. Não faça troça das celebridades nem critique o sotaque, e não deve ter problemas.

Mantenha contato[editar]

Códigos de Área[editar]

  • Corvo - 292
  • Flores - 292
  • Faial - 292
  • Graciosa - 295
  • Pico - 292
  • São Jorge - 295
  • Terceira - 295
  • Santa Maria - 296
  • São Miguel - 296

Partir[editar]

Os Açores estão bastante isolados no meio do Oceano Atlântico. Os destinos mais acessíveis são:


  • Lisboa - Situada na foz do Tejo, é a capital e maior cidade do país (bem como o seu maior destino turístico) e uma das mais belas cidades do mundo. É famosa pelos pastéis de nata e pela Torre de Belém, símbolo da cidade e do país. Realizam-se vários voos diários directos entre Lisboa e algumas das ilhas.
  • Porto - Situada nas margens do rio Douro e banhada pelo Oceano Atlãntico o Porto é a segunda maior cidade de Portugal, a principal da Região Norte e um importante centro comercial e cultural. Um Patrimônio da Humanidade, edifícios como a catedral, a Bolsa de valores em estilo neoclássico e a Igreja de Santa Clara, construída no típico estilo manuelino, valem uma visita. É famosa pelo Vinho do Porto, descrito por muitos como o melhor vinho do mundo. Realizam-se voos diários directos entre o Porto e as ilhas dos Açores.
  • Madeira - É uma região autónoma de Portugal. Conhecida mundialmente como as Ilhas da Primavera Eterna ou Ilha Jardim, é um dos maiores destinos turísticos portugueses. Atraindo milhares de pessoas para o seu famoso "reveillon", que inclui o maior espectáculo pirotécninco do mundo, é famosa pela sua beleza natural e pelo vinho da Madeira. Realizam-se voos directos frequentes entre os Açores e a Madeira.
  • Ilhas Canárias - Isoladas no meio do Atlântico, são uma região autónoma de Espanha. As suas maiores cidades são Las Palmas de Gran Canária e Santa Cruz de Tenerife. Tenerife é muito visitada pelas suas fantásticas praias, paisagem de montanha e vibrante vida nocturna.
Este artigo está delineado e precisa de mais conteúdo. Ele já segue um modelo adequado mas não contém informações suficientes. Mergulhe fundo e ajude-o a crescer!



Variantes

Ações

Docentes do destino

Noutras línguas

outros sites